lunes, 8 de noviembre de 2010

Alvorada - Cartola

Reacciones: 
Hola chicos, un regalo. Una bella canción brasileña de 1974. La conocí con Cidade de Deus, la película. Lo sé, soy un neófito. Pero no me impide disfrutar de ella intensamente. :)

Composição: Cartola / Carlos Cachaça / Hermínio Bello de Carvalho


 

Alvorada lá no morro, que beleza
Ninguém chora, não há tristeza
Ninguém sente dissabor
O sol colorindo é tão lindo, é tão lindo
E a natureza sorrindo, tingindo, tingindo
( a alvorada )
Você também me lembra a alvorada
Quando chega iluminando
Meus caminhos tão sem vida
E o que me resta é bem pouco
Ou quase nada, do que ir assim, vagando
Nesta estrada perdida.



Cheers!